NOTÍCIAS

Sono na Criança e no Adolescente

19/05/2017

O Sono é um um processo importantíssimo na infância pois ele é necessário para desenvolvimento cerebral, crescimento, aprendizado e manutenção do funcionamento de nosso corpo. 
Enquanto o bebê está aprendendo a dormir, as crianças e os adolescentes estão muito mais preocupados em aprender a evitar o sono. Ambos julgam o sono uma grande perda de tempo, principalmente com os inúmeros estímulos da vida moderna com seus tablets, videogames, TV e celulares.

 

Dos 2 Anos a Adolescência
Agora os nossos mocinhos e mocinhas estão saindo ou já saíram do berço e estão em suas novas caminhas sem grades para contê-los. A cada dia, a necessidade de rotinas e horários é mais evidente. A criança precisa saber que é hora de dormir e que nada vai mudar a opinião dos Pais.
Esse período ainda apresenta duas grandes novidades no sono dos Pais: Parassônias e Dormir com os Pais por carência ou medo.
As Parassônias são distúrbios do sono com fundo genético e quanto mais cansada a criança ao dormir, maior será a intensidade e na realidade, a criança está dormindo super bem. Existem alguns tipos:
• Sd Pernas Inquietas ou Corpo Inquieto: sono agitado, pulos, chutes e cabeçadas
• Sonambulismo: levantar, andar, falar ou sentar enquanto dorme
• Terror Noturno: segunda metade da noite com gritos e choros inconsoláveis por muitos minutos
• Pesadelos: primeira metade da noite com melhora mais rápida

 

Adolescência
Após o início da puberdade, ou período de desenvolvimento sexual/genital, ocorre grande mudança no sono dessa ex-criança:
• Retardo no Início: eles passam a ter sono cada vez mais tarde, geralmente após as 23:00, mas em alguns casos, o sono aparece somente na madrugada.
• Aumento da necessidade de sono: eles precisam, em média, de 12,5 horas de sono diário para reparação e crescimento, porém devido ao retardo de inicio do sono, raramente os adolescentes dormem mais de 8 horas/noite, gerando muito sono e preguiça pela manhã ou soneca à tarde e fins de semana.
• Melhora da qualidade do sono: normalmente, eles dormem como pedras e não acordam facilmente.

 

Dr. Christian Helfstein – CRM 119.947 – Médico Pediatra e fundador do site Pediatriavirtual.com

VOLTAR